Termotécnica Para-raios

IDIOMA

EnglishPortuguêsEspañol
EnglishPortuguêsEspañol

Os Cursos Intensivos com transmissão ao vivo têm como objetivo apresentar uma visão mais ampla do universo normativo aos profissionais atuantes e não atuantes de diversos segmentos de trabalho, abordando assuntos diversificados, permitindo aos alunos alcançarem oportunidades reais no desenvolvimento da sua carreira.

Através do curso, os profissionais do campo de atuação, em suas diversas vertentes, terão uma visão muito mais abrangente e profunda de todos os aspectos e normas que envolvem o tema aplicado, possibilitando ao aluno os recursos técnicos para desempenhar de forma mais qualificada as suas atividades de projeto, instalação e manutenção.

Saiba mais sobre os cursos oferecidos

Este curso tem como objetivo principal apresentar conhecimentos básicos de um parâmetro fundamental para projetos de aterramentos elétricos: a resistividade do solo.
Anteriormente conhecida como medição de resistividade do solo, a nova NBR 7117 publicada em 2020, atualizou conceitos e deu a este procedimento de medição uma nomenclatura mais assertiva: sondagem geoelétrica.
Com conceitos atualizados, apresentação de exemplos práticos e simulações de modelagem 1D (anteriormente conhecida como estratificação do solo em camadas), este curso busca esclarecer dúvidas e orientar a respeito das melhores práticas de levantamento e aplicação deste importante parâmetro de projeto.

Módulo único - Carga horária: 8h

1. Resistividade do solo e conceitos básicos apresentados pela NBR 7117
A) A nova NBR 7117 (2020);
B) Conceitos básicos;
C) Conceito de solo;
D) Conceito de resistividade do solo;
E) Fatores que determinam a resistividade do solo;
F) Conceitos de sondagem geoelétrica.

2. Sondagem elétrica vertical (SEV)
A) Sondagem elétrica vertical (SEV);
B) Arranjos de medição (Schlumberger e Wenner)
C) Procedimento de medição;
D) Considerações sobre medições;
E) Equipamentos para sondagem geoelétrica com o método da eletrorresistividade;
F) Exemplos práticos.

3. Modelagem geoelétrica 1D
A) Obtenção da curva média;
B) Inversão da curva de resistividades aparentes;
C) Método simplificado (2 camadas).

4. Exemplos de modelagem com o uso do Tecat e considerações finais
A) Simulações de exemplos;
B) Processamento dos parâmetros medidos;
C) Correta configuração do software TecAt;
D) Levantamento do modelo 1D do solo;
E) Análise de dados;
F) Considerações importantes e noções de sondagens geoelétricas com técnicas eletromagnéticas.

A geração de energia solar fotovoltaica tem conquistado cada vez mais espaço no Brasil, criando ótimas oportunidades profissionais e trazendo grandes benefícios para a sociedade. Mas as descargas atmosféricas são um grande risco para a viabilidade técnico-comercial dessa atividade, já que 26% das falhas em Sistemas Fotovoltaicos (SFV) no mundo são causadas pelos raios, fenômeno do qual o Brasil é o campeão mundial.

A proteção dos SFV’s contra os surtos de tensão originados por descargas atmosféricas, diretas e indiretas, requer conhecimentos sobre a funcionalidade dos seus componentes e arranjos físicos para se aplicar as Medidas de Proteção contra Surtos (MPS) de forma adequada.

Desenvolvido por profissionais com visão prática e teórica sobre esse tema, o curso vai capacitar e oportunizar aos participantes o conhecimento necessário para identificar os pontos de vulnerabilidade dos componentes de um SFV aos surtos de tensão e corrente, proporcionando os fundamentos indispensáveis para concepção de uma proteção eficaz contra os efeitos das descargas atmosféricas, assegurando o fornecimento da energia do futuro com sustentabilidade, economicidade e robustez.

Módulo único - Carga horária: 8h

  • Vulnerabilidade dos componentes de um SFV aos surtos de tensão e corrente;
  • Revisão das Medidas de Proteção contra Surtos;
  • Normas Técnicas aplicadas ao tema:
    • ABNT NBR 16690:2019 Instalações elétricas de arranjos fotovoltaicos - Requisitos de projeto;
    • IEC TR 63227-2020: Lightning and surge voltage protection for photovoltaic (PV) power supply systems.
    • IEC 61643-32:2017 IEC/TR 63227:2020 Lightning and surge voltage protection for photovoltaic (PV) power supply systems;
    • IEC 61643-32:2017 Low-voltage surge protective devices - Part 32: Surge protective devices connected to the d.c. side of photovoltaic installations - Selection and application principles.
  • Aterramento e equipotencialização de SFV;
  • Roteamento e blindagem de condutores de SFV;
  • Dispositivos de Proteção contra Surtos (DPS) para linhas de energia (CA e CC) e sinal de SFV.

Este curso tem o objetivo de proporcionar aos profissionais da área elétrica conhecimentos básicos sobre os sistemas de aterramento, fornecendo uma visão ampla de um componente fundamental das instalações elétricas de baixa e média tensão, transmissão de dados e automação, capacitando-os a desenvolver projetos onde o sistema de aterramento será o mais eficaz e eficiente possível, dentro das várias exigências que ele deve atender.

Através desse curso será possível compreender as funções de um sistema de aterramento, em instalações de baixa e média tensão, proteção contra descargas atmosféricas e compatibilidade eletromagnética.

Unindo vários aspectos, os alunos do curso terão uma visão de como as normas técnicas determinam as características dos sistemas de aterramento e como estes vários aspectos deverão ser harmonizados entre si.

Módulo único - Carga horária: 12h

  • O que é um aterramento elétrico
  • Componentes de um sistema de aterramento
  • Funções e objetivos do aterramento
  • Medições em sistemas de aterramento
    • Resistividade do solo
    • Resistência e impedância de aterramento
  • Segurança em aterramentos elétricos
    • Efeitos da corrente no corpo humano
    • Tensão de passo, tensão de toque e tensão transferida
    • Caracterização das condições de risco
    • Critérios de segurança para aterramentos
  • Dimensionamento de sistemas de aterramento
    • Projeto de malhas de aterramento e configurações
    • Itens necessários ao projeto
    • Aterramentos de sistemas de média e baixa tensão
    • Esquemas de aterramento (TT, TN, TN-C, TN-S, TN-C-S, IT) – NBR 5410
    • Proteção contra sobretensões
    • Equalização de potencial
    • Aterramento do neutro
    • Sistema solidamente aterrado
    • Sistema aterrado com resistor de baixo valor (média tensão)
    • Sistema aterrado com resistor de alto valor (baixa tensão)
    • Aspectos EMC para o sistema de aterramento – referência para equipamentos sensíveis
    • Tecnologia utilizada na infraestrutura de aterramento
    • Utilização das armaduras das fundações;
    • Soluções especiais para solos com alto valor de resistividade;
    • Medições e critérios de correção de sistemas de aterramento já implantados;
    • Tecnologia dos materiais utilizados em sistemas de aterramento;
    • Critérios de proteção contra corrosão em sistemas de aterramento;
    • Conexões em sistemas de aterramento.

Conheça os instrutores

Normando Alves - diretoria

Normando Alves

Diretor de Engenharia da Termotécnica Para-raios. Eletrotécnico, Engenheiro Civil, pós-graduado em Engenharia de Segurança do Trabalho pela FUMEC/MG. Especialista renomado em capacitação de projetistas, vistoriadores e auditores de instalações de SPDA em todo território nacional, desde 1993. É membro ativo da comissão que revisa a NBR5419 da ABNT e associado ABRASIP-MG. Palestrante nos principais congressos, simpósios e eventos – nacionais e internacionais – voltados para as áreas de Instalação, Projetos e Construção Civil promovidos por parceiros como: CREA, SINDUSCON, ABRASIP, ABEE, AMES e COOPPTEC.

Instrutor Sergio Santos-site2

Sergio Santos

Engenheiro Eletricista pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com MBA em economia e negócios pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Possui sólidos conhecimentos em aterramento, compatibilidade eletromagnética e proteção contra sobretensões transitórias, obtidos através de cursos no Brasil e Alemanha. Há 17 anos dedica-se a proteção de instalações e equipamentos eletroeletrônicos contra surtos de tensão e corrente. É membro do Cobei onde trabalhou nas comissões que elaboraram a ABNT NBR 5410:2004, ABNT NBR 5419:2005, ABNT NBR IEC 61643-1:2007 e ABNT NBR 5419:2015. Palestrante em eventos como o ESW Brasil, SIPDA e Enie e colaborador de revistas técnicas como o Setor Elétrico e Lumière.

0 anos
DE CURSOS E TREINAMENTOS
+ de 0 %
DE APROVAÇÃO DOS ALUNOS
+ de 0
PROFISSIONAIS CAPACITADOS

Importante

– Será oferecido material de apoio on-line para acompanhamento do curso.
– É proibida a gravação da aula ou disponibilização do material assistido sem a prévia autorização do setor de Eventos da Termotécnica Para-raios. Sujeito a sanções penais pela utilização indevida de propriedade intelectual da empresa.
– Após a compra do módulo, iremos fechar uma turma com até 30 alunos e avisaremos com antecedência por e-mail a data e horário que evento irá ocorrer.
– O curso será feito através do aplicativo ZOOM ou Skype (ambos gratuitos), pedimos que assim que fizer a compra do curso, obtenha os aplicativos através de seu celular ou notebook. Enviaremos um manual explicativo de como baixar e instalar, caso necessário.
– Iremos enviar o certificado de participação virtual para seu e-mail em até 3 dias úteis após a realização do curso.

Requisitos mínimos para aproveitamento

– Computador ou dispositivo mobile com acesso a internet, se possível, com garantia de alta velocidade.
– Sugestão: 4G para mobile ou fibra ótica com velocidade de pelo menos 15MG para desktops.
– Windows acima da versão 7 ou caso não tenha, opte por um celular.

Formas de Pagamento

Cartões de crédito (Visa e Mastercard), boleto ou depósito bancário.

Outras Informações

Whatsapp: (31) 9 8422-9462
E-mail: eventos@tel.com.br

Open chat
Podemos ajudar?