Pergunte ao Especialista

Envie a sua pergunta para o nosso especialista, Normando Alves. Deixe a Termotécnica Para-raios continuar fazendo parte da construção de seu conhecimento! .

159 Comentarios em “Pergunte ao Especialista

  1. Pedro says:

    Boa tarde Normando,
    Quero utlizar a estrutura metalica de um telhado colonial como comonente natural, deixando acima das telhas somente captores. A estrutra está separada corretamente, respeitando a distância de segurança entre qualquer outro condutor proximo. Gostaria de saber se a norma permite este tipo de situação.
    Desde já meu muito obrigado.

    • normando says:

      Pedro,
      Sim a norma permite , desde que você garanta que esses terminais aéreos (mini captores) não deixem que a esfera rolante, para esse nível de proteção, toque o telhado. Resumindo use o método da esfera rolante.

      Abraços,

  2. Leonardo says:

    Olá Sr. Normando

    Minha dúvida é especifica de aterramento. Estou para realizar a obra de um gerador fotovoltaico em uma residência. A mesma não possui aterramento. Qual solução em termos de aterramento preciso adotar para atender aos requisitos de segurança, tratando-se de NBR 5410? A principio, cogito as seguintes possibilidades:

    – implantar um eletrodo de aterramento próprio para o sistema fotovoltaico, conectando o aterramento da UFV a este eletrodo. Após isto, equipotencializar este eletrodo com o eletrodo de aterramento da entrada de energia através de um condutor e barramento no quadro de distribuição da instalação existente;

    – Equipotencializar este eletrodo junto ao barramento de neutro existente do quadro de distribuição da instalação ( Acredito que esta solução não seja viável mas mesmo assim pergunto sobre esta possibilidade);

    Por fim acredito que a melhor solução para o cliente é realizar a implantação do aterramento completo na instalação existente, em todos os circuitos, no entanto, por questões de viabilidade econômica do cliente e por comum acordo com este mesmo, pretendo garantir a adequação apenas do equipamento que irei instalarem relação as normas de segurança.

    Desde já agradeço a atenção!

    Obrigado!

    • normando says:

      Leonardo,
      O aterramento desse sistema deverá seguir a norma NBR5410 ou a norma que regulamenta esse tipo de instalação.
      O que a principio não deverá ser feito é um eletrodo separado do eletrodo de aterramento da instalação elétrica.
      abraços

  3. Marcos Thadeu says:

    Prezado Normando, sendo o teto da cobertura metálica da plataforma de abastecimento de um posto forrado com pvc , neste caso podemo utilizar a telha metálica com captor natural?

    • normando says:

      Marcos,
      Não recomendo o uso das telhas metálicas da plataforma de abastecimento como captor natural, uma vez que debaixo dessa telha é uma área classificada. Peça ao cliente o mapa de risco e você irá observar isso.

      Abraços.

    • normando says:

      Marcos,
      Pode mas não deve pois essa é uma área classificada. Peça ao cliente o mapa de risco e você verá que é perigoso fazer isso uma vez que a queda direta de um raio no telhado vai provocar uma elevação de temperatura podendo gerar um incêndio.

      Abraços,

  4. Odenilson Lucena Rocha says:

    Profesor Normando, bom dia,

    Sou ex-aluno do curso de SPDA que o senhor ministrou em Salvador. Gostaria de contar com sua ajuda para tirar uma dúvida. De acordo com a nova norma 5419/2015, como podem ser distribuídos os terminais aéreos no plano do telhado, a que distância ? E como posso fazer a equalização das descidas, sem ser no solo, de acordo com a nova norma, pois na norma de 2005, era permitida a equalização em até 4m de altura. Não encontrei essa informação na norma.

    Agradeço desde já a sua atenção.

    • normando says:

      Odenilson,
      Apesar de não ser obrigatório o uso desses terminais , sugiro que sejam usados os terminais aéreos de 25 cm a cada 6 metros e os terminais de 60 cm a cada 7,5metros.
      Com relação á interligação das descidas a norma atual exige que pelo menos 80% seja enterrado, aceitando apenas 20% com uma profundidade menor, lembrando que em termos de segurança pessoal o ideal é que o anel de aterramento esteja 100% enterrado.

      Abraços,

  5. MARCOS THADEU PIFFER says:

    BOM DIA NORMANDO
    AS FERRAGENS DA MALHA DO PISO ESTRUTURAL DE UM POSTO DE COMBUSTÍVEIS PODE SER USADA COM ATERRAMENTO?

    A SITUAÇÃO É QUE NÃO FOI FEITO A ANEL NA ÉPOCA DA CONSTRUÇÃO

    ABRAÇO.

    GRATO

    • normando says:

      Pode sim dede que essas ferragens sejam da fundação e tenha realizado os testes de continuidade eletrica conforme exigencia da norma.

    • normando says:

      Marcos,
      Se essas ferragens forem da fundação e forem continuas, certificadas através de testes de continuidade, podem ser usadas sim como eletrodo de aterramento.
      Abraços

  6. Carlos Henrique says:

    Prezado Normando;
    Meu condomínio existe um spda franklin com duas haste e dois captor, solicitei a vistoria/manutenção e a firma informou que tenho que fazer upgrad para o sistema gaiola, meu prédio tem 20 metros de altura. é correto isso????????

    • normando says:

      Carlos Henrique , se sua instalação é anterior a 2015 (parece que é) então a chance de estar fora das normas é muito grande. Nesse caso o ideal é contratar um projeto de adequação á norma, caso tenha inteesse entre em contato com nosso departamento de engenharia poderemos enviar uma proposta comercial.

      Abraços,

  7. kleber zeitounian says:

    Boa tarde Normando, quando estará em São Paulo, estamos com um projeto em um complexo comercial que está em fase de projeto, temos muitas duvidas no projeto, consegue nos dar uma consultoria, qual o custo deste tipo de trabalho?

    • normando says:

      Kleber, se for apenas orientação no seu projeto voce pode usar nosso suporte tecnico gratuito [email protected] . Se precisar de uma consultoria que é um trabalho mais meticuloso e que tem que ficar protocolado com um documento (memorial descritivo + ART, etc) então esse serviço pode ser contratado pelo e-mail [email protected]. Se quiser conversar comigo para dar orientações básicas meu telefone é 31-99984.3240 (inclusive whatsapp e Telegram).

    • normando says:

      Prezado Kleber, prestamos o serviço de consultoria sim, que pode ser á distancia ou pode ser presencial, de acordo com sua necessidade. Para mais informações favor entrar em contato com nosso setor de engenharia e conversar com tayná ou Simone 31-3308.7000 ou [email protected] ou [email protected]. Abraços.

  8. Luiz D. Tieghi says:

    Bom dia, caro Normando!
    Numa situação em que os caixilhos metálicos ficam numa distância menor que 50cm das descidas (não tem como mudar a alocação), devo interligá-los à descidas, fazendo parte do sistema de descida ou devo liga-los ao BEP? …como devo eliminar estas tensões perigosas geradas nestes caixilhos?

    • normando says:

      Luiz neste caso vc pode calcular as distancias de segurança para saber se precisa mesmo ligar ou não, caso não queira fazer esses calculos, então interligue essas estruturas nas descidas para evitar centelhamento.

  9. Andrei says:

    Boa tarde, Normando. Como é feito o aterramento dos quadros de distribuição, e sua equalização, quando usamos o aterramento estrutural?

  10. Normando Alves says:

    Cícero, se as telhas atendem á espessura mínima para serem usadas como captor natural (pelo que vc falou atendem) então não precisa de nada mais no sub sistema de captação, considerando que não existe risco de incêndio ou explosão devido ao aquecimento da telha devido a um raio direto.
    Conforme escrito no artigo a norma exige um anel periférico á estrutura interligando todas as descidas. Onde não for possível por fora , justifique no projeto e faça por dentro.
    Se a edificação for de nível 1 ou 2 pode ser que o anel não seja suficiente, nesse caso a malha terá que ser aumentada , diretamente proporcional á resistividade do solo para atenr á figura 3 da parte 3 da norma e atende á condição que Re>=L1, conforme detalhado no artigo sobre comprimento minimo de eletrodo.

  11. Cicero De Luca says:

    Bom dia, a norma obriga o fechamento do anel inferior, tenho uma edificação de 280×300 metros basicamente, com geometria irregular, é necessário fazer um grid de malha ou apenas o anel inferior atende, vou utilizar o telhado como captor natural ( telhas >0,65mm), em função do tamanho da edificação é necessário montar um malha para captor ou somente a estrutura atende.

    • normando says:

      Cícero,
      É obrigatório no mínimo o anel de aterramento , porém no nível 1 ou 2 de proteção pode ser necessário aumentar o comprimento doo eletrodo (que varia com a resistividade do solo ) . Nesse caso poderão ser instalados eletrodos adicionais horizontais ou verticais , que poderão ser fechamentos internos, ou não.
      Para que as telhas metálicas de aço possam ser usadas como captor natural é necessário que tenham 0,5 mm de espessura no mínimo e não haja problemas com elevção de temperatura ou perfuração do telhado.

      Abraços

  12. Dinarte says:

    Boa Tarde,

    Estou confuso com relação ao uso do angulo que devo usar para colocação de um haste com para-raio tipo franklin, tenho uma casa de 5,8x16m e altura de 10m, me perdi nos calculos, se puder ajudar, agradeço,

    • Normando Alves says:

      Para te ajudar você tem que me dizer qual o nível de proteção e para tal você precisa primeiro fazer o gerenciamento de risco. Você já sabe qual o nivel de proteção ?

    • normando says:

      Dinarte,
      Para determinar o ângulo de proteção é necessário saber o nível de proteção (gerenciamento de risco) , depende da altura de referencia e do plano de referencia. No gráfico da norma que mostra esta relação entre altura e ângulo de proteção depende do nível de proteção.
      Caso tenha dificuldade pode entrar em contato novamente.
      Abraços

  13. Normando says:

    Para torres de telecomunicações existem diversas medidas que podem ser adotadas na parte 2,3 e 4 da norma NBR5419, porém para plataformas off shore, não existe nada especificamente nessa norma, mas com experiencia e um bom estudo tecnico voce consegue aplicar diversas recomendações da norma. Sugiro que procure nas normas IEC ou NFPA, talvez vc consiga material mais especifico .

    Abraços,

  14. Frank says:

    Ola boa noite!
    Não achei na norma de forma mais explicita a respeito de dimensionamento de spda de locais como postos de gasolinas por exemplo..
    Para a proteção em posto de gasolina, desde que haja continuidade elétrica nos pilares ate o aterramento, posso utilizar como descida natural sem problemas??
    É obrigatorio ou indicado captor franklin e terminais aereos na cobertura metalica da area de abastecimento??
    E a ultima duvida é em relação aos respiros, a melhor forma de proteger de descargas diretas seria mastro franklin?? Pode ser feito o interligamento das hastes dos tanques com toda a malha de aterramento sem problemas?

    Obg!!

  15. nromando says:

    Para qualquer tipo de construção a primeira coisa a ser feita é o gerenciamento de risco,para determinar se a proteção é ou não necessária e como deverá ser protegida porém para plataformas Off Shore não conheço nenhuma norma especifica sobre esse tipo de estrutura mas acredito que voce deve encontrar talvez na IEC ou na NFPA.

  16. Lucio Neto says:

    Bom dia!
    Quais as recomendações para sistema de SPDA em plataformas offshore? Existe alguma obrigatoriedade, por exemplo, para torres de telecomunicações?

    Obrigado.

  17. PAULO AUGUSTO FERNANDES says:

    Em um pequeno estádio que possui quatro torres de refletores e uma arquibancada que ocupa uma lateral do campo (mesma dimensão do campo) é melhor fazer um sistema combinado?
    um para cada torre ( MétodoFranklin com SPDA isolado)
    e na arquibancada – Método das Malhas
    As malhas das 4 torres e da arquibancada seriam interligadas, uma vez que duas torres estão a 70m da arquibancada?

    • normando says:

      Sim pode fazer um sistema combinado, sendo metodo das malhas nas edificações cobertas e metodo da esfera rolante nos postes de iluminação, mas vale lembrar que mesmo com esses captores nas torres de iluminação as pessoas não devem ficar em áreas abertas pois não existe proteção segura para áreas abertas para as pessoas.

  18. Marcos says:

    Ola!
    Trabalho com som na minha igreja, estou tendo problemas com zumbido nas caixas de som ativas, nossa igreja é em um galpão de estrutura metálica e até o momento não tem aterramento, para solucionar o problema parafusei um terminal pressão em uma das colunas de sustentação da estrutura e interliguei no cabo(não é cabo de energia e sim sinal de áudio) que sai da mesa de som e alimenta as caixas de som, o zumbido e as interferências desapareceram. Esta forma pode colocar em perigo a pessoa que esta operando o som? Resumindo: o aterramento do equipamento de som esta sendo feito utilizando a estrutura metálica do galpão.

    • normando says:

      Marcos esse não é o procediemnto correto e pode sim trazer riscos adicionais para as pessoas e apra o equipamento. O correto é seguir o que a norma NBR5410 de instalações eletricas de BT recomenda, que é a distribuição do fio terr junto com os demais condutores e ffazer um aterramento onde o fio terra deverá ligar num BEP-Barramento de equipotencialização Principal.

  19. Dalton says:

    Prezado mestre,

    Se não for possível a utilização da Re-Bar, é possível utilizar o aço da própria armadura de concreto como subsistema de descida? Grato

    • normando says:

      Sim, mas tem que ter muito cuidado e muita fiscalização, pois as obras que ertificamos a maioria que usa a propria ferragem, chega no final da estruutra e ninguém sabe onde estão essas barras, por serem iguais ás ferragens estruturais.

    • normando says:

      Apesar de não serem obrigatorios , a distancia entre esses captores é em torno de 6m, para os de 20cm de altura e 7,5m para os de 60cm de altura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.